Tenho de ser cuidadoso ao falar de Neymar diz treinador do PSG

0

Thomas Tuchel, treinador do Paris Saint-Germain, foi cauteloso quando questionado se irá confrontar Neymar sobre a teatralidade que tantas críticas lhe valeu durante o Campeonato do Mundo.

«Tenho de ser cuidadoso ao falar de Neymar», começou por dizer o alemão que espera ainda pela integração do brasileiro nos trabalhos de pré-época.

«Tudo o que disser sobre ele será à porta fechada, para apenas quatro ouvidos e duas bocas», acrescentou, sublinhando que é «um privilégio» poder trabalhar com um jogador como Neymar.

ABOLA